PORTUGUÊS / INGLÊS
 
 
Publicações - Notícias

 

 

 
 
  • PLATAFORMA DO ACORDO DOS PLANOS ECONÔMICOS TEM GERADO DOR DE CABEÇA AOS POUPADORES

    - De Vivo, Whitaker e Castro Advogados

    A plataforma virtual disponibilizada para os pagamentos dos créditos decorrentes dos expurgos inflacionários, nos termos do acordo entre bancos e entidades de defesa dos poupadores, firmado no final do ano passado, após um ano de negociação, e, teoricamente, passou a funcionar no mês de junho de 2018, não tem surtido os efeitos desejados pelos cidadãos.

    No ato de adesão, que deve necessariamente ser feito por advogado, o poupador concordará com os critérios para cálculo do ressarcimento e forma de pagamento, que variam de acordo com o valor a receber e o plano econômico aderido, sendo também variável o prazo para ressarcimento de cada instituição bancária, sendo assegurada a prioridade de recebimento para os idosos.

    Para os poupadores cujo valor a receber for de até R$ 5.000,00, o pagamento será integral e à vista, para valores acima de incidirão descontos progressivos de 8 a 19%. Valores entre R$ 5.000,00 e serão pagos uma parcela à vista e duas semestrais. A parir de R$ 10.000,00 de indenização, serão pagos uma parcela à vista e quatro prestações semestrais. No entanto, passado curto período desde a implementação da plataforma, as inconsistências do sistema desenvolvido sob a responsabilidade da Federação Brasileira de Bancos (Febraban) têm gerado dificuldades, quando deveria facilitar o procedimento para aqueles com direito à indenização, o que, evidentemente, ocasionou baixa nas adesões.

    Muitos são impedidos até mesmo de efetivar o cadastro dos poupadores para início do processo de adesão, os quais são, ainda, muitas vezes indeferidos por razões como não reconhecimento dos extratos bancários pelo sistema ou não aceitação da documentação exigida, ou seja, problemas relacionados às irregularidades da plataforma.

    De acordo com a Febraban, os problemas, que estão dentro do previsto, serão solucionados gradativamente, caso a caso, pela empresa contratada responsável pelo sistema, sem que possa gerar prejuízos aos poupadores.  

     

    https://oglobo.globo.com/economia/em-2-meses-so-48-mil-aderem-acordo-das-perdas-da-poupanca-22913151

 
 
SP: Rua Leopoldo Couto de Magalhães Júnior, n° 758, 10° andar, CEP 04542-000, Itaim Bibi, São Paulo, SP - Tel: +55 (11) 3048 3266 - Fax: +55 (11) 3048 3277
info@dvwca.com.br - Trabalhe conosco